A Quinoa é um super alimento. Extremamente saudável e nutritivo. Veja abaixo alguns detalhes importantes.

GRANO MADRE ou GRANO ORO como era conhecida pelos Incas a mais de 10.000 anos, a QUINOA REAL é um dos alimentos mais antigos do planeta que se tem conhecimento e reúne as mais valiosas qualidades dos cereais e dos produtos lácteos em valores nutricionais, sendo até comparada ao leite materno.

A CHENOPODIUM QUINOA REAL é um alimento de origem vegetal, considerado um pseudo-cereal, pois não pertence nem a família dos cereais nem das leguminosas. Da família do espinafre e da beterraba, é encontrada na natureza nas cores branca, vermelha e preta, em grãos de aproximadamente 2,00mm de diâmetro e com textura macia e sabor suave, semelhante ao da noz.

Seu processo produtivo baseia-se na "dessaponização", que é a retirada da saponina (uma substância encontrada na casca) e na separação de seus grãos por tamanho e cor.

Seu consumo lhe traz benefícios não só para obtenção de um corpo saudável, como também disposição para realizar suas atividades diárias.


É considerado O CEREAL DO SÉCULO XXI, pois:

  • Alimento 100% Orgânico e 100% pura.

  • Sua riqueza protéica é bem maior que outros de sua espécie, podendo perfeitamente substituir as proteínas de origem animal.

  • Comercializada por empresas e associações de produtores “FAIR TRADE” e com rígidos padrões de qualidade.

  • Estudos mostram que suas proteínas são até mais favoráveis ao crescimento do que as contidas no leite.

  • Sua proteína é composta por uma combinação de TODOS os AMINOÁCIDOS ESSENCIAIS para a alimentação humana.

  • Possui de 11 a 14% de proteína vegetal, com ALTÍSSIMO VALOR BIOLÓGICO e de ALTA ABSORÇÃO pelo organismo.

  • Considerada a melhor substituta à carne, porém livre de gorduras saturadas e de colesterol.

  • ISENTO DE GLÚTEN (excelente para alimentação de CELÍACOS) /Livre de Prolamina

  • Rica em SAIS MINERAIS E VITAMINAS.

  • Fonte de ÔMEGA 3 E 6.


 
 

Grãos: Nas aplicações do arroz e do trigo, em pratos quentes, frios, doces ou salgados.

Flocos: Bastante utilizado em saladas, iogurtes, vitaminas, cereais matinais e em saborosas receitas doces ou salgadas.

Farinha: substititui a farinha de trigo na fabricação de pães, tortas, bolos, panquecas, etc.


Um pouco de história

A QUINOA REAL é cultivada nos Andes Bolivianos a mais de 10.000 anos. Sua história vem do Império Inca, onde era considerado um “cereal milagroso” e venerado como símbolo religioso pela colonização Inca (Aymarás, Quéchuas e outras etnias).

Conhecida como “GRANO MADRE” ou "GRANO ORO", era a "mãe dos seres humanos" e a "mãe de todos os alimentos", consumida desde a retirada do leite materno dos bebês até os últimos dias de vida.

Seu cultivo também foi muito importante para a expansão cultural e territorial do Império Inca.
Os agricultores que se fixavam na região, logo introduziam a língua Quécha e o ritual ao "Deus Sol". Seu plantio obedecia a certos rituais místicos onde o Imperador Supremo (Sapa Inka), anualmente, era responsável de iniciar toda a produção de QUINOA, com sua própria ferramenta de ouro maciço. Depois da colheita, o ritual prosseguia com o adorado grão colocado em potes de ouro e oferecido ao "Deus Sol".

Quanto maior era o local de cultivo, maior era a população necessária para realizar as construções hidráulicas e para trabalhar na plantação.
Em uma área geográfica que parecia desfavorável, os agricultores aproveitavam o relevo montanhoso e construíam enormes terraços de cultivo nas montanhas andinas, com muros de contenção de pedras, para que a água da chuva não arrastasse a terra e seu plantio para o fundo do vale.

Em 1532 os invasores acabaram com os 362 anos de Império Inca, pois encontraram uma população debilitada pela guerra civil.
A colonização espanhola começou a substituir a Quinoa pela cevada, que era de mais fácil plantio e muito mais conhecida pela população européia. Também não queriam a influência de um "grão religioso" em seus habitantes, um grão que não "brilhava feito ouro e pedras preciosas" e que era consumido por índios, vistos como a parte pobre da população.

Porém, os agricultores andinos, mesmo sendo obrigados a trabalhar nas minas em busca de ouro e pedras, conservaram algumas sementes e continuaram o plantio em pequenas proporções.

Suas características nutricionais foram reconhecidas e redescobertas nas décadas de 1950 e 1960, através de estudos e pesquisas.
O Conselho de Investigações dos Estados Unidos publicou um livro de estudos sobre a Quinoa onde diz: "o segredo do tesouro perdido dos Incas não era o ouro e sim, o cultivo do alimento, que enriquece a dieta humana".
Hoje, já faz parte da dieta de astronautas e pessoas adeptas a uma alimentação saudável.


SALAR DE UYUNI

QUINOA REAL é um produto “top”. É o mais rico de todos os grãos de Quinoa cultivados na Bolívia e recebe este título de nobreza devido a condições climáticas e geográficas únicas de plantio.

No Altiplano Boliviano, a 3.650metros acima do nível do mar e com uma radiação de 1.800mcm/m2, praticamente o dobro da normal, está localizado o Salar de Uyuni, um deserto de sal de 12.500m2, onde seu horizonte tão nítido desenha no céu azul a curvatura terrestre.

Neste ambiente singular e num inverno de até 30 graus negativos, ventos gelados e carregados de partículas de sal regam as plantações de Quinoa e trazem até você o “Grano Oro”, a Quinoa Real, o cereal dos Incas de alto valor protéico e nutritivo.

A QUINOA REAL é mais que um presente que a natureza lhe oferece, é um carinho em forma de alimentação nutritiva e saudável!


Glúten Free

O Glúten faz parte de um grupo de proteínas vegetais presentes em cereais do trigo e seus derivados, como: centeio, cevada, aveia e que, na maioria das pessoas, é normalmente digerido.

Porém, existem pessoas que são incapazes de digerí-lo normalmente e são conhecidas como celíacas. Essa deficiência se deve há uma intolerância ao glúten, ou mais precisamente a Prolamina, uma de suas proteínas individuais. Ela afeta o intestino delgado, provocando uma reação inflamatória e prejudicando a assimilação e absorção dos nutrientes contidos nos alimentos.

Os efeitos colaterais dessa intolerância podem ser: diarréias, vômitos, irritação e mau humor, falta de apetite, déficit de crescimento em crianças, distensão abdominal, além da má nutrição.

Daí, vemos a importância da QUINOA REAL. Por ser isenta de glúten, é uma grande aliada na dieta dos Celíacos, pois seus grãos, flocos e farinhas são substitutos perfeitos do trigo e de suas variações. Além disso, contribui para uma alimentação muito mais diversificada, rica e nutritiva.